Zezinho da Paraíba

José Bernardo dos Santos Filho (Zezinho da Paraíba),nasceu em João Pessoa na Paraíba no dia 27 de Setembro do ano de 1949,filho de José Bernardo dos Santos e Noêmia Batista dos Santos.
Aos 5 anos de idade ganhou uma sanfona de oito baixos do seu pai e depois de três anos já se encontrava tocando e se apresentando nas principais rádios de João pessoa, rádio Tabajara, rádio Arapuã, entre outras.
Aos 15 anos de idade viajou para o Rio de Janeiro, onde conheceu Bartinho Calixto, que é irmão de Luizinho Calixto e Zé Calixto. Tocou nas noites do Rio de Janeiro, no Forró de Xaxadão,Sebastião Rodrigues, Banda Portugal e outras mais, daí conheceu Abdias no ano de 1974, grande tocador de oito baixos na época, que gravou a primeira música de composição de Zezinho intitulada de “Esse forró eu danço” em parceria com a CBS,no LP “Eu vou nessa leva.

Participou de programas da Rádio Globo, onde Adelzon Alves comandava nas madrugadas e que dava oportunidades a vários cantores e compositores que estavam buscando um espaço no meio musical na época, Jackson do pandeiro, Dominguinhos,Marinês,Abdias, Severo que era sanfoneiro de Elba Ramalho entre outros que tinham espaço no programa de Adelzon,que começava de meia noite as quatro da manhã.
Daí passou a conhecer Oswaldinho,Dominguinhos,Messias Holanda,Marinês,Jacinto Silva, Jackson do Pandeiro e teve a honra de conhecer pessoalmente nosso eterno Rei do Baião Luiz Gonzaga, abrindo um de seus shows.

Em 1981 formou o grupo “Trio Paraibano “e participou de vários programas de Tv locais na época. Depois foi para Manaus na onde passou dois anos trabalhando em campanhas políticas e logo após foi para Porto Velho, na época do garimpo, onde montou o grupo “Xodó” que durou cinco anos e lá conheceu Eliano que é cantor e guitarrista.
E no ano de 1993,o Forró Mastruz com Leite estava precisando de mais um sanfoneiro, e seu amigo Eliano que já estava fazendo parte da banda, indicou seu amigo Zezinho da Paraíba para o Sr Emanuel Gurgel, e veio de João pessoa para fortaleza para fazer o teste com Emanuel Gurgel, e não deu outra, foi aprovado e começou a viajar com a banda mesmo sem ensaio, para tocar e ir pegando o repertório.
Trio

E Zezinho da Paraíba emprestou seu talento para o Mastruz com Leite durante 11 anos, gravou dezenas de
álbuns na banda, no quarto LP do Mastruz “Coisa Nossa “ele fez uma participação gravou a música “Seu sanfoneiro toque mais” e no Álbum dedicado a Jackson do Pandeiro gravou a música “Como tem Zé na Paraíba”. Teve composições suas gravada no “Grandes Solos vol.1″e teve participações nas bandas Calango Aceso,Rabo de Saia com suas próprias composições, também gravou com João Bandeira e Dedin Gouvêa, e no Álbum do Mastruz “Do forró do grilo a New York” teve uma composição sua em parceria com seu amigo e conterrâneo Zelito Madeira,entitulada de “Forró sem mulher não presta”. Participou de vários programas com a banda, como programa da Xuxa,Faustão,Ratinho, entre outros. Tocou no Canecão no Rio de janeiro e ficou na banda de 1993 à 2004.


Daí começou uma nova trajetória na carreira Solo, gravou em 2006 o cd intitulado “Caboclo Nordestino”, em 2008 o Álbum “É de Chapéu de couro”,2010 “Forró número 1″em 2014 o álbum “Mudar pra quê?”,em 2015 “Casa velha de Sapê “e em 2016 o álbum “A viagem”
Discografia

Baixe Aqui CD



Mídia/Notícias/Publicidade


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *